Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar
Como evitar confundir Sinais da Libras?

Sinais em Libras

Como evitar confundir Sinais da Libras?

Madson Barreto
Escrito por Madson Barreto
Mega Aula Online Gratuita

Descubra como Aprender e se Desenvolver na Libras - SEM Esquecer

Olá, eu sou o Madson Barreto, esse é o meu sinal, sou o co-fundador do Instituto Libras Escrita, cujo o sinal é este. 

Sou autor do livro Escrita de Sinais Sem Mistérios

Eu estou gravando essa série de vídeos todos os dias eu publico um novo vídeo aqui no nosso canal no YouTube, também no nosso blog às vezes eu publico alguns conteúdos aqui que não tem lá e outros lá que não tem aqui e assim por diante, tem também o conteúdo muito especial que eu disponibilizo somente pras pessoas que me acompanham

de perto.

Estamos criando uma comunidade de pessoas que estão realmente comprometidas em aprender a Libras mais rápido e querem dicas aí avançadas de como fazer isso. 

“Madson, mas eu estou começando a aprender Libras agora!” ou “eu ainda vou começar ou eu preciso de dicas avançadas?” 

Se você quiser aprender a Libras rápido, sim, você precisa de dicas avançadas. Agora se você quiser ficar com a maioria das pessoas cinco, seis, sete, oito, dez anos faz dois cursos, três cursos, cinco cursos de Libras e ainda não sabe conversar com surdo, você não precisa se cadastrar, agora se você quer aprender rápido.

O link aqui abaixo no final do artigo, a primeira aula que tem lá é como memorizar sinais da libras com facilidade. 

Coloca lá seu email e então vou lhe enviar esse conteúdo gratuito pra você, que não está disponível aqui no nosso canal.

Na aula de hoje, a gente vai falar sobre como evitar confundir sinais da Libras.

Como eu faço pra não confundir sinais da Libras?

Esse vídeo de hoje eu tô gravando pra responder muitas e muitas perguntas

que várias pessoas me enviaram, tantas pessoas me acompanham mais de perto lá pela lista de email, quantas pessoas me acompanham aqui no canal ou lá no Facebook também. 

Facebook você procura pela Universidade da Libras – Unlibras. 

E o fato é que essas pessoas perguntaram assim, Madson eu já aprendi vários sinais, eu tô aprendendo, eu tô fazendo curso de Libras, mas quando eu chego na frente do surdo eu penso num sinal e falo outro. Do nada. 

Eu pensei certinho mas saiu outra coisa na mão. Minha mão não está obedecendo ao meu cérebro. Como que eu faço minha mão obedecer a minha cabeça? Tem algumas perguntas interessantes assim que surgiram pra mim.

Não estou lendo aqui o nome das pessoas como eu fiz em outros vídeos aqui do canal. São realmente muitas pessoas, são incontáveis pessoas que fizeram essa pergunta. 

No entanto, no próximo vídeo que muitas pessoas tiverem feito a pergunta, eu vou ler pra você os números, mas esse aqui eu não vou ler.

Então, se tem alguma dúvida, pode deixar aqui embaixo que a gente vai gravar algum vídeo ou até mesmo eu mesmo vou responder pra você lá.

Bom, e pra responder essa pergunta, me fez lembrar quando eu fui pensar sobre essa temática, isso pra eles lembrar algumas situações engraçadas da minha vida. 

Primeira situação foi quando eu estava lá na terceira série ou quarto ano, alguns estados algumas cidades chamam de maneira diferente, mas era a terceira série e eu estava fazendo uma prova.

Essa foi uma prova muito curiosa porque era uma prova sobre as estações do ano. E teve duas situações ali que aconteceram.

A primeira situação que aconteceu comigo nessa mesma prova foi que a professora perguntou qual era a estação do ano em que fazia muito, mas muito, mas muito frio mesmo.

Você já sabe qual é a estação do ano que faz frio, muito frio. 

Alguns estados fazem mais, outros menos, alguns estados você nem sente que está nessa estação quase que eu falo o nome.

Enfim você já sabe que estou falando do inverno. Pois é, mas naquele dia ali na prova adivinha o que que eu respondi? Inferno.

Eu confundi a letra V com a letra F e coloquei inferno. Ou seja, eu pensei na estação do ano, eu pensei certo, mas eu me comuniquei errado e adivinha o que aconteceu comigo… 

Isso mesmo, a professora marcou como errada a minha resposta.

E ela ainda deu um xizinho lá em cima. Foi horrível a sensação de ter uma caneta vermelha na minha atividade. E uma outra situação que aconteceu relacionada a essa temática aí nessa mesma prova, olha que coisa curioso.

Eu acho que nessa mesma prova mesmo. A gente se sentava em fileiras. Então imagina quatro, cinco fileiras, eu geralmente gosto de sentar na terceira fileira.

Interessante isso, eu faço isso desde pequeno e estava sentado e aí a professora perguntou, qual o nome do filhote do cavalo? 

O Filhote do boi é o bezerro, o filhote do cavalo é? E aí eu bati o olho sem querer, sabe quando a gente faz alguma coisa sem querer?

Eu bati o olho na prova da minha colega.E essa minha colega lembro o nome dela até hoje ela ela tinha escrito lá na prova dela não sei se ela tinha escrito certo ou errado mas eu vi uma coisa. 

Não sei se eu vi certo ou errado, mas eu escrevi na minha prova podrinho. Ou seja, o filhote do cavalo é o potrinho. Mas eu escrevi podrinho. Tipo assim, eu troquei uma letra só, mas o significado é totalmente diferente. 

Então, nessa questão aí também eu errei e se eu não me engano, a menina tinha escrito errado também.

Nesse dia eu aprendi que colar não faz bem a ninguém. Não sei se vocês chamam de colar, pescar, pegar, eu não sei qual é o nome que você usa aí na sua cidade.Aqui em Salvador chama de pescar.

E fato é que eu respondi errado e também naquela questão ali eu levei outro X Vermelho. Eu aprendi que colar não é bom. E aí o que que acontece? Por que eu estou te contando isso? 

Porque a língua é natural que você confunda alguma coisa. Já deve ter acontecido com você de você estar conversando com um amigo seu em português e de repente você querer falar uma coisa e fala outra coisa.

Os psicólogos chamam isso aí de ato falho. Toma muito cuidado com isso porque às vezes você tem muita raiva de um chefe, por exemplo e aí de repente você não fala nada pra pessoa mas você vai falar alguma coisa e surge do nada e aí você acaba ofendendo a pessoa ou você fala alguma coisa que não devia falar na hora errada.

Mas na língua de sinais também acontece esse fenômeno. Principalmente quando a gente está começando a aprender Libras. Por que? É muito comum a gente aprender muitos sinais de uma vez.

Eu lembro quando eu estava fazendo curso de Libras. A gente ficava sentado enfileirados um do lado do outro. A gente não devia olhar pra quem estava do lado. Tinha que colocar quase que um uma viseira assim. 

E o professor ensinava uns quarenta, cinquenta, setenta, cem sinais por dia. Era muita coisa. E era muito desafiador pra mim.

Mas com o passar do tempo você se acostuma, você aprende, você esquece. Enfim, o meu foram muitos desafios até que eu descobri técnicas que ajudam as pessoas a aprender a Libras mais rápido.

Tem alguns outros vídeos aqui no canal sobre isso. E aqui abaixo tem um link de uma aula exclusiva sobre esse tema que eu compartilho com quem me acompanha mais de perto.

Clica lá, coloca lá seu email que eu vou enviar pra você gratuitamente pro seu email.

E o fato é o seguinte, quando a gente tá aprendendo os sinais da libras, tem muitos sinais muito parecidos.

E esses sinais parecidos fazem com que a gente se confunda entre eles. Vamos dar alguns exemplos aqui de sinais muito parecidos.

Por exemplo, você tem pessoas assim, vindo… Com essa configuração de mão. Você tem pessoa assim também. 

São dois sinais diferentes, mas são sinais com o mesmo significado. Na língua portuguesa a gente tem muitas palavras assim também.

Por exemplo, natal significa nascimento. Embora no Natal as pessoas quase não comemoram mais o nascimento de Jesus, comemorem mais o dia que aparece o Papai Noel.

A gente tem várias palavras para representar o mesmo contexto. Fazer o parto, dar à luz são coisas que significam a mesma coisa. Mas tem um significado um pouquinho diferente.

Isso acontece muito em sinais que configurações de mão alofônicas. São sinais muito parecidos um com o outro eque tem lá no fundo o mesmo significado.

Por exemplo, esse sinal saber. Eu não gosto de dar nomes pros sinais. Tem outros vídeos que eu falo sobre isso.

Então, saber e amanhã. Perceba que a configuração de mão é parecida.

A locação é a mesma, o movimento é o mesmo, tanto o movimento interno da mão dos dedos aqui, quanto o movimento externo.

São chamados de pares mínimos. Assim como esse sinal de laranja, que também é o sinal de sábado é muito parecido com o sinal de aprender e o sinal de amor.

Esses sinais são muito parecidos, só tem uma coisa diferente, neste caso aprender, é feito aqui na testa e laranja aqui em frente.

E tem algumas dicas para você memorizar esses sinais. A dica é você memorizar ele sempre no contexto certo.

Por exemplo, você pode falar estou aprendendo língua de sinais.

Ou você pode falar (juntar esses sinais parecidos)

Amanhã, no sábado, eu vou entrar na sua casa. Ou eu vou entrar naquela casa. Ssempre faça frases com o sinal. 

Então, a primeira dica para você evitar confundir os sinais é observar os detalhes dos sinais.

Observar aspectos fonológicos, ou seja, dos parâmetros fonológicos da Libras, as locações, a orientação da palma (pra que lado que a palma da mão tá virada), tem sinais que estão pra dentro, tem sinais que estão pra fora, isso vai mudar o significado;

A locação é onde o sinal é feito. Observar também se o movimento é interno como nesses casos aqui, ou movimento externo, como nesse caso aqui.

Também as expressões não manuais, são as expressões faciais e as expressões corporais. 

Tem uma série de vídeos aqui no canal só sobre quatro técnicas de como você aprender e treinar as expressões faciais da Libras.

Então, você pode procurar isso aí no canal pra você treinar mais suas expressões faciais da Libras.

Então aqui a gente tem esses cinco parâmetros, uma fórmula para você observar os sinais, você vai observar o que é semelhante e o que que é diferente.

Outra forma é você fazer os sinais de maneira contextualizada e isso você tem que fazer sempre colocando frases de exemplo como eu falei e uma outra forma ainda é de você se imaginar usando aquele sinal. Isso mesmo. 

Então por exemplo, você aprendeu esse sinal aqui e aí você fecha os seus olhos e você imagina você fazendo frases com aquele sinal ali.

Você imagina você chegando na sala de aula. Você imagina você dizendo pra um amigo seu que você aprendeu alguma coisa, por exemplo, eu aprendi a dirigir carro de uma vez por todas. 

Imagine situações hipotéticas, situações em que você acha que pode acontecer aquilo, por exemplo, você está na fila do supermercado e lá tem um surdo e aí você pode então fechar os seus olhos e imaginar você chegando lá e conversando com ele em Libras.

Então essas são situações pra você treinar os sinais pra você aprender os sinais de maneira adequada. 

Tem gente que tem muita facilidade em decorar os sinais da Libras. Mas, não sabe usar ele no contexto correto.

Quer dizer que na verdade você está aprendendo o sinal de forma isolada. Isso não é adequado.

Tem gente que tem dificuldade de aprender os sinais da Libras.

Isso acontece simplesmente porque você não está aprendendo da maneira certa e adequada.

Você ainda não entendeu como que o seu cérebro funciona na aquisição de uma nova língua, no caso da língua brasileira de sinais, que é uma língua diferente das línguas orais. 

As línguas sinais são línguas diferentes. Uma língua de modalidade distinta das línguas orais, é uma língua visual.

Então você precisa de técnicas específicas para aprender Libras. Aqui abaixo como eu falei tem um link pra você acessar aquela aula especial. Você vai aprender técnicas pra você memorizar sinais da Libras com facilidade no contexto correto.

Você vai entender como que o cérebro funciona, tá tudo lá nessa aula pra gente poder estar mais próximo, tem vários conteúdos que eu disponibilizo lá e outra técnica também muito importante é o seguinte…

Se você pensou em um sinal da Libras e veio outra coisa na hora de sinalizar, pode ser que você está pensando em língua portuguesa.

Se você pensa em língua portuguesa ou está muito acostumado a aprender sinais se apoiando na língua portuguesa. Tipo assim, voccê aprendeu o sinal aí você vai e escreve no papel: casa = duas mãos espalmada, palmas concêntricas, tocam-se na ponta dos dedos duas vezes.

Se você treina escrevendo sinais da Libras em português  e apoia a língua de sinais tudo no português quando você vai conversar em Libras, você vai lembrar é do português, não da Libras. 

Você vai demorar muito mais tempo pra aprender a se comunicar em Libras.

Funciona, escrever? Funciona, mas demora muito mais tempo pra aprender a Libras.

Você tem que escrever diretamente em Libras na escrita de sinais

O ideal é pensar em Libras. Você já consegue pensar de maneira visual em língua de sinais? 

E eu vou gravar uma série de vídeos somente sobre como treinar pensar visualmente em Libras.

Já imaginou você aprender a pensar em Libras como os surdos fazem? Na hora de você fazer o sinal em Libras você vai fazer da maneira correta.

E se você confundir como eu confundi lá podrinho, com potrinho e inferno com inverno, você vai ter a oportunidade de perceber rapidamente que sinalizou errado porque o seu interlocutor vai falar pra você, olha, isso aqui não está adequado. Eu não entendi. 

Ou ele vai fazer aquela cara de dúvida. O problema é quando você confunde o sinal fazendo algum gesto obsceno, algum sinal de outro tipo de conotação que não é o que você quer dizer. E aí é um problema.

Você está conversando com seu professor ou sua professora de Libras e aí de repente você faz algum sinal pensando que você está perguntando algo normal e a pessoa olha pra você assim com aquela cara e depois você descobre que estava pedindo ela em namoro ou algo do tipo.

É complicado isso, mas acontece às vezes. Você tem que observar os detalhes dos sinais para que você possa então evitar ao máximo confundir eles e eu acredito que o segredo no final das contas está na maneira como você aprende nos sinais.

Eu estou estudando grego e no grego tem palavras muito parecidas também, assim como qualquer outra língua, mas eu eu uso essas técnicas que te expliquei pra poder estudar grego também e se eu tivesse falando em grego com você aqui, você não entenderia, mas enfim…

O que eu quero dizer com isso é que tudo está relacionado a forma como você estuda a língua.

Então, observe a forma como você está estudando a Libras. Observa isso. Tem vários conteúdos aqui no canal sobre isso. 

E eu acredito que se você mudar a maneira como você estuda a Libras a quantidade de vezes que você confunde os sinais vai diminuir drasticamente.

Eu estou aqui pra ajudar você com isso, a minha missão é ajudar surdos e ouvintes a terem a liberdade de se comunicarem e se expressarem fluentemente em Libras.

Eu sou o Madson Barreto, sou co-fundador da Universidade da Libras (Unilibras).

Tenho um convite especial pra te fazer:

↪︎ Participe da Mega Aula Online e Gratuita e “Descubra como Aprender e se Desenvolver na Libras SEM Esquecer ou Confundir Sinais e Frases em Libras”↴

https://unilibras.com.br/Quero-Mais-Libras

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado.